Não tenho que fazer!

birra2

Agora eu penso como tenho pena dos meus pais.
Quando eu era criança, provavelmente devo ter dito um zilhão de vezes que estava entediado…

Seguindo das famosas perguntas e frases:

– O que devo fazer?
– Não há nada para fazer…
– Me dá uma idéia….

Agora, o mesmo acontece as vezes com meus filhos…

Assim, preparei algumas respostas que (será que) poderíamos responder:

– Eu também!

– Ah para, ninguém nunca realmente morreu de tédio, vai…

– Eu não me importo.

– Vá brincar com os milhares de dólares de brinquedos no seu quarto.

– Somente pessoas chatas ficam entediadas!

– Leia um livro!

– Vá para fora!

– Vá jogar bola!

– Ficar com tédio é um luxo!

– Que demais! É parte de ser jovem. Pode ter certeza que em breve você não terá tempo para ficar entediado!

– Se vira.

– Sério? então tá. Vou arrumar todos esses brinquedos e doá-los para a alguém que precisa deles!

– As crianças na China estão trabalhando em uma fábrica de sapatos hoje.

– Já sei, você pode limpar o seu quarto.

– Tem uma vassoura na cozinha.

– Aqui está uma escova de vaso sanitário.

– É mesmo? Tá. Então tenho alguns trabalhos que você pode fazer para curar o seu tédio.

– Você poderia criar uma solução para a paz no Oriente Médio. Ou encontrar uma cura para o câncer.

– Dá um mergulho na piscina!

– Não é meu problema.

– Opa! Você está na iminência da criatividade!

– Boa! Você tem que ter tédio antes que tenha uma inspiração. Você está no caminho certo.

– Tá. me faz um relatório sobre como não ficar entediado.

Ou quando nada mais dá certo, seja sincero:

– Você precisa aprender a fazer entediado, é uma parte da vida!

E você, o que diria?

Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

Como conversar com filhos

Quando falamos de relacionamento em família, nada é mais valioso do que saber como conversar com filhos. Eles crescem e aumentam suas dúvidas, questões e

Leia mais »
bolhas

Final de semana

Na correria da semana, na agitação diária e de todos os dias, não conseguimos achar tempo para as grandes organizações. Assim, aos finais de semana

Leia mais »