Coisas eu posso dizer que já aprendi com pai

Todo recém pai tem receio e que venha a cometer erros. E com isso temos um processo de aprendizagem,

Ah! Tenha certeza que se você cometeu ou virá cometer um destes, não se preocupe: Não estamos sozinhos!

Verdade que tudo é novo nos assusta. O medo de errar toma proporções maiores, pois envolve a vida de um ser indefeso.

A preocupação de que todas as leituras, as conversas com o pediatra e a família nunca serão suficientes e que, nos momentos a sós com o bebê, vamos fazer algo que prejudica a criança. O mais importante, no entanto, é lembrar que tudo é uma experiência de aprendizado constante.

Primeiramente, não se deve ter medo do recém-nascido. Veja, o bebê não fala, mas se comunica muito bem, O bebê precisa de apoio, pois é quase indefeso, mas não se desmonta com um assopro. Em suma, o que o filho mais precisa é de amor, de carinho e uma boa dose de bom senso dos pais.

Veja alguns tipos de erros mais comuns:

Duvidar da própria intuição

Todos nós, por natureza, somos super protetores. Os sentidos ficam mais apurados, o sono, mais leve. Ou seja, mesmo sendo mãe de primeira viagem você saberá como lidar com qualquer situação para cuidar do seu bebê. Confie nos seus instintos, seu filho também estará confiando.

Excluir o pai da rotina do bebê

O papel do pai é fundamental desde o início da gravidez. O bebê já aprende a identificar a voz dele ainda na barriga da mãe. É lógico que o papel da mãe no início é mais preponderante, mas o pai precisa estar envolvido, participar de todas as tarefas, trocar fraldas, consolar, fazer carinho, amar. Um filho é uma construção familiar – e não parte somente de um.

Não se cuidar e colocar o bebê como única prioridade

O bebê precisa de uma mãe saudável, bem disposta e atenta para que possa se desenvolver plenamente. Por isso, descuidar de si mesma é descuidar da saúde da criança. É importante realizar exercícios físicos que ajudarão no retorno ao peso de antes da gravidez, e vai estimular a liberação de endorfinas

Isolar-se em casa nos primeiros meses do bebê

Não fará bem para você em nem para o bebê. Saia, tenha contato com o mundo, será mais benéfico para todos

Não coordenar os horários de sono com os do bebê

A ideia que enquanto o bebê dorme, aproveitar para dar uma arrumada na casa, trabalhar ou assistir TV te deixará mais exausta. A solução? Dormir enquanto o bebê dorme

Achar que todo choro é fome

O bebê chora como uma forma de se comunicar, o que não necessariamente se relaciona à fome. Bebê sente calor; às vezes, sede ou desconforto por estar com as fraldas sujas. O choro por cólica é um tipo mais característico, intenso, repetitivo, com duração mais longa. Outra situação é simplesmente querer atenção, carinho ou colo. O importante é a família manter a calma e tentar com tranquilidade identificar o motivo do choro, sem se apavorar.

Fazer comparações com outros bebês da família

Esse é um erro comum, Isso pode até gerar angústia na mãe e desgaste na relação com os membros da família. O que as mães precisam saber é que cada bebê tem um desenvolvimento e personalidade que lhe é característico

Manter o bebê todo agasalhado mesmo no calor

Embora sinta um pouco mais de frio que uma criança maior, o bebê sente calor e não pode ser vestido com exagero. Para saber, sinta no peito do bebê se ele está quentinho ou não. Deve se observar se está suado, o que é um sinal evidente que está vestido em excesso.

Enfeitar demais o berço e esquecer da segurança

Decorar com bichinhos de pelúcia? Bobagem. Isto atrai poeira, pode ter o risco de cair em cima do bebê. Deixe a cama somente com o básico.

Gastar com supérfluos e não priorizar o que é útil

Quando se é pai ou mãe de primeira viagem, tudo enche os nossos olhos e dá aquela vontade de comprar sempre o produto mais caro e mais cheio de detalhes, né? Não faça isto! Priorize apenas os itens de necessidade básica e está tudo certo!

Tem alguma coisa que, como pai ou mãe você aprendeu e quer sugerir? Conte nos comentários!

 

Compartilhe:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Posts Relacionados

birra2

Não tenho que fazer!

Agora eu penso como tenho pena dos meus pais. Quando eu era criança, provavelmente devo ter dito um zilhão de vezes que estava entediado… Seguindo

Leia mais »

Chag Purim Sameach!

Estamos durante as festividades de Purim. Purim é um dos mais alegres e festivos feriados na tradição Judaica, sabia? A fonte desta festividade está no

Leia mais »