As primeiras papas

Por 0 , , , , Permalink 2

Texto da nutricionista Gi, que fala sobre as papas de neném, com dicas de como fazer!

 

 

A primeira dose de papa não deve exceder uma colher rasa de sobremesa de fruta passada, aumentando gradualmente até chegar a uma peça inteira. Se der morangos ou uvas, a dose é de duas unidades, aumentando depois até às dez.

Só com essa quantidade pode substituir uma mamada pela papa.

Algumas crianças mesmo que comam a papa precisam ainda de leite, pelo que se notar que o bebe está irritado passados 30 minutos da refeição, ofereça-lhe leite.

As primeiras colheradas de papa vão ser, na certa, recusadas pelo bebe, uma vez que o seu instinto lhe indica que deve excluir tudo da boca que não seja o mamilo. Coloque a colher no canto da boca e deixe que a papa escorregue suavemente para dentro.

Dê-lhe sempre a beber água depois da papa, porque a frutose aumenta a sede.

As papas de legumes, nas primeiras semanas, devem ser feitas com um tipo de legume e um tipo de folha de vegetal. Depois da criança ter experimentado vários tipos, pode misturar até três sabores. Use sempre cebola, alho, salsa, azeite e sal para temperar.

Deve oferecer a mesma papa dois dias seguidos e observar as alterações do organismo, como possíveis diarreias ou prisão de ventre, borbulhas ou outros sintomas.

As primeiras papas devem ser quase líquidas, passando depois a ser cada vez mais sólidas.

Para as duas primeiras semanas:

  • meia cenoura média,
  • duas folhas de alface,
  • um pouco de cebola,
  • um pouco de salsa picada,
  • uma pitada pequena de sal,
  • uma colher de café rasa de óleo de milho ou girassol ou azeite

 

Lave bem a cenoura e as folhas de alface.

Ferva um pouco de água, apenas a suficiente para cozinhar, e depois desta entrar em ebulição, coloque todos os ingredientes.

Cozinhe em panela de pressão ou em panela com tampa. Deve cozinhar até a cenoura ficar macia. Depois de cozida retire-lhe a casca e desfaça tudo com um garfo. Pode substituir os ingredientes por outros legumes.

Depois de duas semanas, aumente os ingredientes da papa, com:

  • batata,
  • beterraba,
  • tomate,
  • agrião,
  •  caldo de feijão

 

Cozinhe tudo junto, desfazendo depois. A batata pode ser substituída por milho ou arroz cozido, desfeito com o garfo.

Na primeira semana com este regime mais forte, use apenas caldo de feijão, lentilhas, ervilhas, grão de bico, passando gradualmente a inserir os grãos.

Para cozinhar pures, cozinhe os legumes e as verduras com meia cebola picada e amasse tudo com um garfo. Tempere com um pouco de salsa picada.

A gema de ovo também deve fazer parte da refeição. Comece com um quarto de gema cozida e vá aumentando até chegar a uma inteira.

A clara só deve entrar nas refeições cozida e depois de alguns testes, porque as crianças podem ser alérgicas. Duas gemas por semana são mais do que suficientes.

No sexto mês pode acrescentar à ementa a carne e o peixe, que devem ser cozinhados com os outros ingredientes, desfiados ou moídos, na quantidade de 50 gramas, que será depois aumentada para 100 gramas, o equivalente a um bife pequeno.

Aos oito meses pode aumentar a quantidade dos ingredientes nas papas, porque a vontade de comer também será maior.

No Comments Yet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


:D :-) :( :o 8O :? 8) :lol: :x :P :oops: :cry: :evil: :twisted: :roll: :wink: :!: :?: :idea: :arrow: :| :mrgreen: